Boa para... eles?

15:46

Respira e prepara porque o textão é tenso (ou nem tanto).
Estive pensando recentemente na quantidade de absurdo que nós, meninas, geralmente ouvimos durante nossa criação até a idade adulta. Os tempos mudaram, as coisas evoluíram, mas você já reparou como ainda é muito conservadora, limitada e machista a forma como são criadas muitas garotas hoje em dia? E pior, já notou que muitas vezes é a própria mãe da garota da menina que dissemina o machismo? Se você acha isso natural, se você acha isso uma bobagem, preciso te contar uma coisa: tem algo muito errado com sua visão de mundo. (clique em Ler Mais para ver o post todo)

  As brincadeiras da infância para meninos sempre permitiram um leque grande de opções: eles podiam ser super herois, astronautas, pilotos de avião, lutadores... enquanto que as brincadeiras das meninas só permitiam que elas fossem mamães e donas de casa, eufemismos para as supostas funções que foram designadas somente a mulheres durante séculos. Mais tarde, quando as meninas tornam-se adolescentes, essas distinções ficam ainda mais evidentes. Se descobrirem que a menina deu um simples beijo num menino numa festa, a confusão está instalada. Mas um garoto da mesma idade faz coisas bem piores e nada acontece. O pai até acha o máximo, aprova o comportamento de "macho", o novo (desculpem a linguagem) "fodedor" do pedaço. A opressão ainda existe, não sejamos hipócritas. Por mais que as coisas estejam mudando, eles ainda têm certos privilégios. Desde novinhos.
  Ok, agora pense nas meninas um pouco mais crescidas, as que estão saindo da adolescência e as jovens adultas. Se você atingiu uma tal idade e ainda não sabe cozinhar decentemente bem ou não sabe limpar a casa com primor, já dizem que você não serve para casar e que não vai dar uma boa esposa. Espere um instante, vocês querem que a gente aprenda a fazer essas coisas para sermos boas para um marido? Eu estou aprendendo a cozinhar sim, mas não é porque quero ser uma esposa exemplar. Vou me mudar por causa da faculdade e preciso aprender a me virar para não ficar com fome. E eu limpo a casa porque não quero viver na porquice. Tá vendo? 
  As pessoas conseguem ser tão sem noção que querem se meter até no corte de cabelo de uma mulher. Quando ela decide cortar curto, chovem comentários. Mas o problema não é esse. O problema é o comentário lazarento que sempre surge, mesmo sem ninguém ter pedido: "homem só gosta de mulher de cabelo longo". Se um homem deixa de ficar com uma mulher porque o cabelo dela não é longo é porque ele não é homem de verdade. É porque ele é um babaca cheio de mimimi com um cérebro do tamanho de uma ervilha. As pessoas são muito mais que o cabelo, a cor dos olhos, a cor da pele, a forma física... Ainda querem que as mulheres façam coisas só pensando nos homens. Ainda querem que elas se arrumem não para se sentir bem, mas para impressionar os homens. Ainda querem que elas deixem o parceiro dar a última palavra nas coisas. Ainda querem que ela não usem shorts para não "atiçar o desejo" masculino. Ainda querem que elas não achem ruim quando sofrem assédio. Ainda querem que elas aceitem traições em silêncio só para manterem o casamento. E, pior, querem que elas pensem que são felizes com isso, que não precisam mudar isso.
Mas nós não devemos ser assim, não devemos aceitar essas coisas. Você, menina ou mulher, leitora deste blog, não deve ser preocupar em ser boa para eles. Você deve ser boa para você. Você não precisa seguir as imposições que ainda existem na sociedade. Você não vai espantar homem assim, aliás, vai espantar somente os que nunca te fariam feliz de verdade, os que nunca te respeitariam. Você é muito mais que convenções sociais, garota. Se queremos um futuro cada vez melhor para nós, precisamos pensar um pouco nisso.

Curtiu? Me conta sua opinião nos comentários!

Também pode te interessar

25 comentários

  1. Odeio quem gosta de cagar(perdão pela expressão) regra para mulher. Ninguém reclama de homem até tarde na rua, ninguém se importa com quem ele namore ou com quantos naos começa, ninguém liga pros lugares que ele frequenta. mulher não, mulher tem que ficar emc asa, tem que vestir roupa "de mulher direita", tem que saber cuidar de casa e de filhos, tem que ser submissa, onde já se viu mulher numa posição melhor do que a do homem? eu odeio essa nossa sociedade que faz nós mulheres nos sentimos culpadas pelos assedio que sofremos e que nos diz que é errado querer ter a mesma liberdade que o homem.
    beijos
    lolamantovani.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  2. Estou desde o ano passado aprendendo e me identificando cada vez mais com o feminismo, coisas que antes não via problema algum hoje em dia me incomodam e como mamãe sempre me ensinou, não fico calada para coisas erradas.

    http://a-cacheada.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  3. Cadê as palmas pro post que deixa as famílias tradicionais brasileiras tremendo? Amei, por favor.
    Concordei com tudo e preciso dizer que sim, ainda querem que as mulheres façam as coisas pensando nos homens. Só que não devia ser assim. Só que vai ser assim por um bom tempo ainda.
    Mas uma hora passa, sabe? Uma hora a gente ignora ou eles param de falar besteiras assim.
    Independente dos motivos para comentários assim sumirem da nossa vida, precisamos saber que a vida é nossa e fim. Cozinhar, cortar o cabelo... fazer as coisas por nós. E, se eu sei disso; sei que cozinho, limpo a casa e corto meu cabelo pra mim, que os outros falem o que quiserem. Não importa.
    É o que eu acho, pelo menos.

    Beijos,
    Bi.

    - www.naogostodeunicornios.com

    ResponderExcluir
  4. Fico muito feliz que estamos em um momento de tanta reflexão sobre estes assuntos, nos faz crescer e mudar, pois é com nossa mudança, que podemos influenciar as novas crianças e jovens, as nossas vidas e auxiliar quem mais sofre com tudo isso.
    É muito triste ver uma menina abusada e assediada se sentir culpada, pois foi isso que ela aprendeu a vida toda, que ela não deveria sair de shorts, e que se ela tem um corpo desenvolvido aos 12 anos, precisa se esconder, pois homens são como animais incontroláveis.
    Mas vamos juntas trabalhar para um mundo melhor. Parabéns!

    www.raposalaranja.com.br

    ResponderExcluir
  5. Amei seu texto, sério, amei mesmo. Eu odeio essas "regras", odeio que achem que precisamos fazer isso ou aquilo, principalmente quando falam que precisamos fazer isso pra eles. Eu tb nunca soube cozinhar, estou querendo aprender agora, mas pra eu conseguir me virar sozinha, e não pra passar o dia fazendo comida pro marido, rs. Bjs

    www.mayaravieira.com.br

    ResponderExcluir
  6. Belo post! Fico muito feliz em ver cada vez mais as meninas e mulheres tomando força e tendo consciencia das coisas.
    Maravilhoso de ver isso :]
    É aquela coisa: nunca me maqueio pra homem, pq onde já se viu eu fica linda destruidora pra alguém que nã osabe a diferença entre um batom vermelho e um batom vinho, neah, miga? hahaha

    beijinhos!

    ResponderExcluir
  7. Palmas para esse texto, é exatamente assim que ainda acontece hoje em dia. As pessoas se dizem tão evoluídas, mas ainda estão longe disso. Observei esse dias numa loja de brinquedos que fui com meu sobrinho, tinha uma outra mulher lá com uma garotinha e a menina pegou um carrinho para brincar, a mulher falou "coloca isso aí, é brinquedo de menino". Quase revirei os olhos na cara dela.
    Eu deixo meu sobrinho brincar de tudo quando está comigo, inclusive com as minha bijuterias e acessórios de cabelo, como tiaras. Acho que não precisa ter essa distinção.

    Beijos
    http://orangelily.com.br/

    ResponderExcluir
  8. O texto de hoje ficou incrível e resume bem a sociedade que vivemos. Triste realidade que estamos inseridos, viver mediante a opiniões tão baixas e machistas.
    Vamos viver felizes e livres *O*
    Beijos

    http://www.cherryacessorioseafins.com.br/

    ResponderExcluir
  9. Que texto mais perfeito. Para nós, mulheres, essas opiniões negativas e machistas é tão presente né?! Minha irmã é super feminista e um amigo nosso começou a fazer comentários machistas sobre a namorada dele. Você precisa ver a minha irmã discutindo com ele. Amei a atitude dela e ainda ajudei.

    Beijos
    BlogCarolNM
    FanPage

    ResponderExcluir
  10. É como aquela velha frase clichê que já estamos tão acostumadas a ouvir quando fazemos uma boa comida ou limpamos bem a casa: " já pode casar". Estava pensando nela esses dias e de como ela é usada de forma natural, como se, pra casar, o requisito básico da mulher fosse saber cozinhar ou limpar a casa. Como se mulher que pensa, que tem desejos próprios, que vai a luta e que é dona do próprio corpo e atitudes valesse menos que essa mulher "dona de casa" perfeita. Fico puta (com o perdão da palavra) quando vejo meninas serem julgadas por usarem roupas curtas ou se entregarem para mais de um homem. E, ao contrário desse espanto, quando um homem faz isso, é incentivado e até mais bem aceito na sociedade. Já está na hora das pessoas refletirem um pouco mais sobre isso e começarem a mudar esse pensamento machista que se arrasta dia após dia.
    Você falo tudo ! Parabéns pelo texto :)
    Beijos,
    #fiquerosa

    Fique Rosa | Meu Canal YT

    ResponderExcluir
  11. Maravilhoso Marília! A gente precisa aprender desde cedo que a pessoa mais importante, que a gente tem que agradar SEMPRE, somos nós mesmas!

    ResponderExcluir
  12. Concordo plenamente!

    Beijos,
    www.thalitamaia.com

    ResponderExcluir
  13. apoiadíssimaaaa! Como recentemente fiz um post lá no blog meio que sobre isso, concordo contigo linha por linha.

    É difícil quando se vive com mulheres machistas (minha mãe é um pouquinho) e eu percebo que tive qu aprender a desconstruir um pouco essas ideias que foram impostas a mim. Confesso ainda não ter saído do casulo porque todas essas ideias ainda não foram embora, mas estou em processo.

    Só por ser mulher não quer dizer que você tem de ser a camponesa romãntica que cuida da cabana o dia inteiro e espera o seu homem com um jantar digno de restaurante. Se isso te faz feliz, ok. Mas se não faz, porque não ser quem passa o dia fora?

    já se foi o tempo que mulher era frágil e inferior (aliás, nunca existiu esse tempo. Só existiu a ideia culturalmente criada).

    beijo
    beinghellz.blogspot.com

    ResponderExcluir
  14. Mesmo sendo homem, tem uma coisa que me incomoda nessa história — na verdade, tudo isso me incomoda. Os mesmos caras que justificam a traição com "você não me dava fazem duas semanas" são os que se acham no direito de assediar alguma garota que é "feia e gorda". E, quando elas contestam, eles respondem como se elas não merecessem algo melhor que um babaca, como se as mulheres devessem estar completamente agraciadas por serem desejadas por alguém, por não "ficarem para tia", que, aliás, é outra coisa que me incomoda imensamente.

    Texto lindo o seu.

    ResponderExcluir
  15. Ótimo texto Mah!! Vejo isso na minha família, meu irmão cria meu sobrinho de uma forma machista, dizendo que ele pode fazer tal coisas e sua irmãzinha não pode. Fico indignada quando presencio essa situação, mas não adianta falar, ele não endente. É algo bem complicado essa questão na nossa sociedade ainda, espero que isso melhora em breve.

    http://heyimwiththeband.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  16. Há um tempo atrás quando eu fazia algo na cozinha e ficava na esperança de agradar o pessoal da minha família sempre ouvia a famosa frase " nossa hein, ta pronto para casar ", eu não ligava muito para isso, mas hoje em dia percebo o caminho que as meninas são realmente levadas, como você mesma falou, deste pequenas ensinadas que quando crescermos devíamos ser mães, casadas e dona de casa. Sempre ganhamos bonecas e os meninos carrinhos e mil e uma outras coisas legais, e nesse caso de brinquedos na infância se encaixa para meninos também, que sempre recebem carros e bolas e se ele se interessar por bonecas é julgado, mesmo sendo uma criança. Há vários pontos que ainda precisa ser concertado na sociedade referente a liberdade.
    Ótimo post, concordo com tudo dito.

    Beeeijos ♥

    xx Mari,

    http://devaneiosbm.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  17. Não sou feminista nem machista. Tenho questões que me convém. Outro dia estava tendo uma festa em minha casa e meus tios estavam usando a cozinnha quando eu falei "Mâe eu tô com fome" e minha mãe respondeu "Frita um ovo ai filha, que é mais rapido" acontece que eu não sabia fritar ovo na época (já tinha 17 anos), e então falei com minha mãe "Mãe eu não sei fritar" quando derrepende meu tio comenta "como assim você não sabe fritar ovo? Você ja é uma mulher e se continuar desse jeito não serve pra casar" eu fiquei puta da vida (desculpa o plavriado) e respondi "Então quer dizer que pra casar eu tenho que saber cozinhar e fazer tarefas domesticas? Será que isso é ser esposa ou ser empregada? Casamento pra mim é muito mais do que fazer comida, eu como mulher não me sinto na obrigação de deixar tudo pronto pra homem. E outra tio, o senhor sabe se eu quero casar?" e ele apenas respondeu "É obrigação de todas as mulheres fazer as coisas para os maridos" eu me calei porque não queria mais discutir.
    E todos os dias eu convivo com o machismo na minha própria casa. Meu pai é super machista e não aceita que eu como mulher não saiba fazer "as coisas de mulher", que eu vista roupas curtas porque chama atenção dos garotos, que eu corte o cabelo e que eu pense só em mim agradar. Me desculpa pai, mas eu nunquinha pensei em casar e muito menos aprender a "fazer coisas de mulheres", se vocês homens não sabem se conter porque uma mulher mostra as pernas ou a barriga o problema está em vocês, porque quando vocês saem sem camisa por mais que eu ache bonito, eu não vou assediar em momento algum, porque tem que haver respeito com o corpo do outro. E outra, o cabelo é meu e se eu quiser raspar eu raspo.
    Beijos e ameeei seu texto ❤
    http://www.since1997.com.br/

    ResponderExcluir
  18. Esse texto tá simplesmente INCRÍVEL! Muitas palmas pra você. Ninguém tem que ditar o que a mulher deve ou não fazer/falar/ser. Não me considero feminista, mas concordo com TUDO que você disse. hahahaah Meus pais são machistas (um pouco), mas eu tenho uma opinião diferente da deles. Foi-se o tempo em que mulheres não podiam fazer nada e só tinham que ficar em casa cuidando dos filhos. Não tá gostando, volta pro útero. hahah
    Beeijos

    www.marinaalessandra.com

    ResponderExcluir
  19. O que dizer sobre esse texto? Cara eu amei, sério você tem razão tem que sermos boas para nós mesmo. Muito bom.. E aliás adorei o Blog novo haha, me perdoa se eu não havia percebido á mudança antes..
    Bjs *-*
    http://freemodernage.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  20. Hahaha
    É textão, mas é um assunto que deve ser discutido e que se tornou recorrente, e deve ser assim certo? Certíssimo! Adorei o texto. Eu sou feminista e antes de ser feminista sou mulher e já passei por coisas assim, hoje enxergo tudo de uma maneira mais clara e contundente. Consigo distinguir os pontos, as questões que não deveriam existir. Mas, é assim mesmo tem que se evoluir. Hahaha
    Achei ótimo o texto e tudo o que foi dito.

    Beijos
    Karolini
    http://womenrocker.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  21. Caraca, que texto foda!
    O assunto que você tratou é muito importante e deveria ser mais discutido, parabéns por escrever esse post, parabéns por trazer essas palavras aqui <3

    Amore, tem post novo lá no blog, te convido a vir conferir =)

    Beijos
    Amanda Z.
    www.diariodelooks.com

    ResponderExcluir
  22. Quando você falou no começo que o texto era intenso eu não tava acreditando, mas vou falar com toda sinceridade, falou tudo e falou bonito!

    www.seteprimaveras.com

    ResponderExcluir
  23. Minha avó insiste que eu não sei me virar sozinha mesmo morando 2 anos sozinha já. Aí, todo argumento dela é 'mas assim você não vai arrumar marido'. Eu respeito por ser minha avó e por ser idade mas quando é alguem de fora que vem com esse papo eu dou uma surtada de leve D:
    | Sorteio Saia Revolution Clothing|
    | Por que meu blog não cresce?|
    | FB Page A Bela, não a Fera|

    ResponderExcluir
  24. Nossa cara eu lendo esse teu texto linda, me fez refletir bela palavras as tuas e eu estava precisando delas,e como estava hein.
    Namoro há 1 ano e meio e AMO o meu namorado demais e agradeço a Deus todos os dias por ter me dado uma pessoa como ele, mas por incrível que pareça ele não se incomoda com nada que eu queira fazer e nada do tipo mas as pessoas sim.Minha mãe conseguiu ser machista uma vez ela chegou nele e perguntou assim "Crisley você vai casar com a Nayomi mesmo? Ela não sabe cozinhar" ai ele deu uma resposta que até mesmo me surpreendeu falando "Eu vou sim eu AMO ela, E ela vai ser minha mulher e não escrava ela faz bem o que ela quiser.".
    E o que me deixa mais puta também é a doutrina da minha igreja eu sou e CCB(Congregação Cristã do Brasil) la a Mulher não pode cortar cabelo, usar calça, shorts, Pintar unha e usar maquiagem e brincos, cara e eu sou julgada por fazer tudo ao contrário, eu penso isso não é coisa que Deus impôs e sim o homem com o seu machismo querendo que a mulher fique como escrava, E penso assim se eu não tiver que usar e Deus tocar em meu coração não vou usar, mas as pessoas querendo fazer com que eu não use as coisas que gosto, já é demais, E nem vou falar mais nada porque senão ne 😂.
    Mais enfim outra coisa besta foi me perguntarem se meu namorado deixou eu cortar o cabelo long bob, as ideias cara essa foi a mais.E as outras da minha mãe falando nossa so usa roupa preta ou de tons escuros , só ouve essas músicas de louco, você deveria ser que nem as outras meninas, homem não gosta de mulher assim, o que o Crisley acha disso, E eu respondo acha nada, sou eu que decido.
    E outra minha irmã que ir na casa das amigas não pode ir mais meu irmão que é 6 anos mais novo que eu e 2 anos mais novo que minha irmã pode ir pra aonde quiser, se bobear ele tem mais liberdade de sair do que a mim mesma que sou irmã mais velha dele.
    A sociedade é machista mesmo, mas que se foda eles. Amei o seu texto você é uma linda to amando o seu canal, poste mais vídeos se quiser ideias estarei aqui para ajudar, que o seu canal cresce cada vez mais e que Deus te ilumine e abençoe cada vez mais linda te adoro. Muito talentosa.❤❤👏👏👏👏👏👏

    ResponderExcluir
  25. Nossa cara eu lendo esse teu texto linda, me fez refletir bela palavras as tuas e eu estava precisando delas,e como estava hein.
    Namoro há 1 ano e meio e AMO o meu namorado demais e agradeço a Deus todos os dias por ter me dado uma pessoa como ele, mas por incrível que pareça ele não se incomoda com nada que eu queira fazer e nada do tipo mas as pessoas sim.Minha mãe conseguiu ser machista uma vez ela chegou nele e perguntou assim "Crisley você vai casar com a Nayomi mesmo? Ela não sabe cozinhar" ai ele deu uma resposta que até mesmo me surpreendeu falando "Eu vou sim eu AMO ela, E ela vai ser minha mulher e não escrava ela faz bem o que ela quiser.".
    E o que me deixa mais puta também é a doutrina da minha igreja eu sou e CCB(Congregação Cristã do Brasil) la a Mulher não pode cortar cabelo, usar calça, shorts, Pintar unha e usar maquiagem e brincos, cara e eu sou julgada por fazer tudo ao contrário, eu penso isso não é coisa que Deus impôs e sim o homem com o seu machismo querendo que a mulher fique como escrava, E penso assim se eu não tiver que usar e Deus tocar em meu coração não vou usar, mas as pessoas querendo fazer com que eu não use as coisas que gosto, já é demais, E nem vou falar mais nada porque senão ne 😂.
    Mais enfim outra coisa besta foi me perguntarem se meu namorado deixou eu cortar o cabelo long bob, as ideias cara essa foi a mais.E as outras da minha mãe falando nossa so usa roupa preta ou de tons escuros , só ouve essas músicas de louco, você deveria ser que nem as outras meninas, homem não gosta de mulher assim, o que o Crisley acha disso, E eu respondo acha nada, sou eu que decido.
    E outra minha irmã que ir na casa das amigas não pode ir mais meu irmão que é 6 anos mais novo que eu e 2 anos mais novo que minha irmã pode ir pra aonde quiser, se bobear ele tem mais liberdade de sair do que a mim mesma que sou irmã mais velha dele.
    A sociedade é machista mesmo, mas que se foda eles. Amei o seu texto você é uma linda to amando o seu canal, poste mais vídeos se quiser ideias estarei aqui para ajudar, que o seu canal cresce cada vez mais e que Deus te ilumine e abençoe cada vez mais linda te adoro. Muito talentosa.❤❤👏👏👏👏👏👏

    ResponderExcluir

Obrigada pelo comentário! Se tiver um blog, coloque o link!